Buscar
  • Dona Juanita

MACONHA

Atualizado: Abr 21

Erva, Ganza, Liamba, Maconha, Ganja, Chá, Buxa, Verde, Boldo, Preto, Faz me rir, Green, Borracha, Kaya, Stenorich, Cânhamo, 4:20, Mary Jane, Marijuana, Brenfa, Thouze, Bhaṅgā, Bhangi, Bhenbin, Chamba, Chanvre, Dagga, Diamba, Esrar, Gandia, Ganja, Ganjika, Hanf, Hemp, Injaga, Ma, Mbanj, Sam-gwa, Soruma, Spak brus, Taima, Uluwangula, Yamba.


Cannabis é um gênero de planta mais ou menos próximo das rosas. Dentre as Cannabis existentes, a espécie Cannabis indica é intoxicante, ou seja, deixa você chapado. Essa espécie conta com variações conhecidas como Sativa e Indica, "linhagens" diferentes de uma mesma espécie.


John M. McPartland escreveu em 2018 um artigo falando sobre a sistemática filogenética da Cannabis a nível de família, gênero e espécie. Ou seja, ele fez uma pesquisa para analisar o grau de parentesco e classificar onde está a planta em uma árvore de evolução.


A Cannabis indica, tanto a linhagem Indica quanto a Sativa, produz substâncias que agem no sistema nervoso humano. Essa produção se dá principalmente em suas flores, mas também nos outros órgãos da planta. A ação da planta no corpo humano é chamada pelos cientistas de "intoxicante", mas isso não quer dizer que a planta seja tóxica, apenas que ela causa efeitos que alteram a percepção do mundo.


Essas substâncias são aproveitadas pelos humanos para o consumo de diferentes formas, seja no fumo, na alimentação, na vaporização ou nas extrações. Cada substância própria da Cannabis é chamada canabinóide, e existem mais de 200 canabinóides. Os mais conhecidos são o THC e o CBD, que apresentam propriedades medicinais para o tratamento de diversas doenças, bem como apresentam os efeitos que os usuários recreativos buscam.


O produto comercializado como "maconha" na maioria das cidades brasileiras é resultado do processo de prensar não só as flores da planta, mas também folhas, galhos, caule e raízes. Com a proibição da comercialização da maconha no Brasil, o produto consumido não apresenta controle de qualidade algum, sendo muitas vezes de baixa qualidade, com armazenamento inadequado que leva ao crescimento de fungos e bactérias perigosos para o consumo.


A maconha prensada é geralmente vendida, triturada (ou dichavada), enrolada em papel próprio para fumos, acendida e inalada via oral, consumida com suas substâncias extraídas em óleos, manteiga ou azeite em diversas receitas. Hoje o mercado cannabico evoluiu para o consumo em bongs, cachimbos, vaporizadores e outros.


O cultivo, comercialização, porte e consumo de maconha é proibido no Brasil, exceto em casos específicos que demandam solicitações judiciais para o tratamento de doenças que não são tratadas com nenhum outro medicamento.

whatsapp-social-media-icon-design-templa
whatsapp-social-media-icon-design-templa

Contato

Fale conosco pelos telefones
(16) 99408-4554
(12) 99766-0109

Dona Juanita Headshop. Preços e condições de pagamento sujeitos à alteração e exclusivos para compras online. Vendas sujeitas a confirmação de estoque e análise e validação dos dados. Entregas apenas para a cidade de São Carlos, com prazo de até 5 dias úteis após confirmação do pagamento. Fotos meramente ilustrativas.

Não possuímos loja física. Escritório: Al. das Crisandálias, 706, Cidade Jardim,  São Carlos - SP. CPF: 392.828.708-71